A cromoterapia que rege seu nome


Digite seu nome completo para saber qual a cor que rege o seu nome:



Digite sua Data de Nascimento:

Dia: Mês: Ano:




A Cromoterapia é o estudo da utilização das cores, que emanadas em vibração, agem positiva ou negativamente sobre o corpo humano. Isaac Newton, o físico, foi quem descobriu a decomposição da luz resultante em cores, com o auxílio de um prisma transparente que originava as sete cores principais. A ordem primária era crescente: vermelho / laranja / amarelo / verde / azul / índigo e violeta. Contudo, a força do uso das cores, para a cura de doenças e do despertar das percepções extrasensoriais, veio do Egito antigo, relativo ao Deus Thot, que já se utilizava desse método.

Com esta propagação, a China desenvolveu técnicas para diagnosticar problemas mais complexos de saúde, receitando fórmulas em mistura que auxiliassem o paciente. A Grécia e a Roma antigas, desenvolveram técnicas complementares, direcionadas à cura através do Sol e seus dois raios: o infra-vermelho, que se encontra abaixo da cor vermelha e o ultra-violeta, que se encontra acima da cor violeta; ambos imperceptíveis a olho nú. A Índia, dotada de terapias alternativas diversas, interligadas ao poder de concentração e meditação, foi o país que mais desenvolveu e proliferou a utilização da Cromoterapia. A prática tinha e tem até hoje força fundamental na cultura indiana; segundo os hindus, "porque as cores agem sutilmente no corpo e na mente do ser humano".

A Cromoterapia desenvolveu-se paralelamente à sua medicina, denominada ayurvédica. Dentro deste conceito, a Índia estabeleceu uma relação direta com a vibração emanada por cada cor. Assim, a estabilidade natural, viria do uso correto dos alimentos, que mudariam a frequência e o campo de força eletromagnética do corpo. O pesquisador norte-americano John Ott, diretor de um conceituado centro de pesquisas da Flórida, reforçou este e demais estudos posteriores, abrangendo conceitos, inclusive, dos problemas causados pelos óculos de Sol e lentes de má qualidade.


Branco: atua diretamente sobre o inconsciente das pessoas, tendo um forte poder magnético. Denota pureza, clareza e luminosidade espiritual.

Preto: exerce o seu poder diretamente sobre a matéria, pela sua relação com a ausência de cores. Apesar das limitações desta cor, sua força é atuante para superar obstáculos e ajudar no progresso espiritual.

Vermelho: estimula a sexualidade e tudo o que envolve o lado físico do ser humano, agindo de forma positiva emocionalmente, muito embora alguns pensem o contrário.

Laranja: é um fator evolutivo do vermelho, estimulando a força vital da vida e sendo até mesmo indicador eficaz contra as doenças.

Amarelo: favorece a intuição e todo o lado material e espiritual. É uma cor de grande impacto nas criações, intuições, meditações e até mesmo no lado discernível da imaginação.

Verde: a juventude, essencialmente a alma espiritual jovem e ativa, é aqui representada, porque o verde age sobre a fertilidade e traz o equilíbrio e a harmonia efetiva com o poder de eliminar o fator negativo que envolve o dia-a-dia de todo ser humano.

Azul: é a cor da arte, da sensibilidade e favorece a pacificação que toda arte transpõe, elevando o espírito e proporcionando o poder criativo e original.

Violeta: é a cor dos espiritualistas de todas as formas, gêneros e linhas atuantes da metafísica. Tem uma força única com a comunicação, com entidades superiores, acentuando o poder mediúnico daqueles que já o possuam.

Branco » Dia Regente: Domingo. Vibração Cósmica: Plutão e Netuno.
Preto » Dia Regente: Sábado. Vibração Cósmica: Plutão e Saturno.
Vermelho » Dia Regente: Terça-feira. Vibração Cósmica: Marte.
Laranja » Dia Regente: Segunda-feira. Vibração Cósmica: Lua.
Amarelo » Dia Regente: Sexta-feira. Vibração Cósmica: Vênus.
Verde » Dia Regente: Quinta-feira. Vibração Cósmica: Júpiter.
Azul » Dia Regente: Quarta-feira. Vibração Cósmica: Mercúrio.
Violeta » Dia Regente: Quinta-feira. Vibração Cósmica: Júpiter.